Skip to main content

Sobre solicitação de pull

As solicitações de pull permitem que você informe outras pessoas sobre as alterações por push feitas em uma ramificação de um repositório no GitHub Enterprise Cloud. Após a abertura de uma solicitação de pull, você poderá discutir e revisar as possíveis alterações com colaboradores e adicionar confirmações de acompanhamento antes que as alterações sejam mescladas na ramificação base.

Sobre solicitação de pull

Observação: ao trabalhar com solicitações de pull, lembre-se do seguinte:

  • Se você estiver trabalhando no modelo de repositório compartilhado, recomendamos que você use um branch do tópico para a solicitação de pull. Embora você possa enviar pull requests de qualquer branch ou commit, com um branch de tópico, é possível fazer push de commits de acompanhamento caso seja preciso atualizar as alterações propostas.
  • Tenha muito cuidado quando fizer push forçado de commits para um pull request. Faz push forçado das alterações no histórico do repositório e pode corromper o seu pull request. Se outros colaboradores fizerem o branch do projeto antes de um push forçado, este poderá substituir os commits nos quais os colaboradores basearam o seu trabalho.

Você pode criar solicitações de pull no GitHub.com com o GitHub Desktop, no GitHub Codespaces, no GitHub Mobile e ao usar a CLI do GitHub.

Após inicialização de uma pull request, você verá uma página de revisão que mostra uma visão geral de alto nível das alterações entre seu branch (o branch de comparação) e o branch base do repositório. Você pode adicionar um resumo das alterações propostas, revisar as alterações feitas por commits, adicionar rótulos, marcos e destinatários e @mencionar colaboradores ou equipes individuais. Para obter mais informações, confira "Como criar uma solicitação de pull".

Depois que tiver criado uma pull request, você poderá fazer push dos commits do branch de tópico para adicioná-los à sua pull request existente. Esses commits aparecerão em ordem cronológica na pull request e as alterações estarão visíveis na guia "Files chenged" (Arquivos alterados).

Outros contribuidores podem revisar as alterações propostas, adicionar comentários de revisão, contribuir com a discussão da pull request e, até mesmo, adicionar commits à pull request. Por padrão, em repositórios públicos, qualquer usuário pode enviar análises que aprovem ou solicitem alterações em um pull request. Os proprietários da organização e os administradores de repositório podem limitar quem pode conceder revisões de solicitação de pull ou alterações de solicitação de aprovação. Para obter mais informações, confira "Gerenciando revisões de solicitação de pull em sua organização" e "Gerenciando revisões de solicitação de pull em seu repositório".

Você pode ver informações sobre o status de implantação atual do branch e a atividade da implantação anterior na guia "Conversa". Para obter mais informações, confira "Como ver a atividade de implantação de um repositório".

Quando estiver satisfeito com as alterações propostas, você poderá fazer merge da pull request. Se você está trabalhando em um modelo de repositório compartilhado, você cria uma pull request e, você ou outra pessoa, fará a mesclagem de suas alterações do seu branch de recurso no branch base que você especificar na sua pull request. Para obter mais informações, confira "Como mesclar uma solicitação de pull".

Se as verificações de status forem necessárias para um repositório, as verificações de status necessárias devem passar antes que você possa fazer merge do seu branch no branch protegido. Para obter mais informações, confira "Sobre os branches protegidos".

Você pode vincular uma solicitação de pull a um problema para mostrar que uma correção está em andamento e para fechar automaticamente o problema quando alguém mesclar a solicitação de pull. Para obter mais informações, confira "Como vincular uma solicitação de pull a um problema".

Dicas:

  • Para alternar entre recolher e expandir todos os comentários de revisão desatualizados em uma solicitação de pull, mantenha pressionadas as teclas OpçãoAltAlt e clique em Mostrar desatualizados ou Ocultar desatualizados. Para obter mais atalhos, confira "Atalhos de teclado".
  • Você pode combinar commits por squash ao fazer merge de uma pull request para obter uma exibição mais simplificada das alterações. Para obter mais informações, confira "Sobre as mesclagens de solicitações de pull".

É possível acessar seu painel a fim de encontrar rapidamente links para pull requests recentemente atualizadas nas quais você está trabalhando ou nas quais está inscrito. Para obter mais informações, confira "Sobre seu painel pessoal".

Solicitação de pull de rascunho

As solicitações de pull de rascunho estão disponíveis em repositórios públicos com o GitHub Free para organizações e planos de cobrança por repositório herdados e em repositórios públicos e privados com o GitHub Team, o GitHub Enterprise Server 2.17 e posterior, e o GitHub Enterprise Cloud. Para obter mais informações, confira "produtos de GitHub".

Ao criar uma pull request, você pode optar por criar uma que já está pronta para revisão ou uma pull request de rascunho. Não é possível fazer merge das pull requests, e os proprietários do código não são solicitados automaticamente a revisar pull requests de rascunho. Para obter mais informações sobre como criar uma solicitação de pull de rascunho, confira "Como criar uma solicitação de pull" e "Como criar uma solicitação de pull com base em um fork".

Quando você estiver pronto para receber feedback sobre seu pull request, você poderá marcar seu rascunho de pull request como pronto para revisão. Marcar um pull request como pronto para revisão irá solicitar revisões de qualquer proprietário de código. Você pode converter uma pull request em rascunho a qualquer momento. Para obter mais informações, confira "Como alterar a fase de uma solicitação de pull".

Diferenças entre commits em páginas de comparação e pull request

As páginas de comparação e pull request usam métodos diferentes para calcular o diff para os arquivos alterados:

  • As páginas de comparação mostram a diferença entre a ponta do ref principal e o ancestral comum atual (ou seja, a base de merge) do ref principal e de base.
  • As páginas de pull request mostram a diferença entre a ponta do ref principal e o ancestral comum do ref principal e de base no momento em que o pull request foi criado. Consequentemente, a base de merge utilizada para a comparação pode ser diferente.

Leitura adicional