Skip to main content
Publicamos atualizações frequentes em nossa documentação, e a tradução desta página ainda pode estar em andamento. Para obter as informações mais recentes, acesse a documentação em inglês. Se houver problemas com a tradução desta página, entre em contato conosco.

Esta versão do GitHub Enterprise será descontinuada em 2022-06-03. Nenhum lançamento de patch será feito, mesmo para questões críticas de segurança. Para obter melhor desempenho, melhorar a segurança e novos recursos, upgrade to the latest version of GitHub Enterprise. Para ajuda com a atualização, contact GitHub Enterprise support.

Sobre commits

Você pode salvar pequenos grupos de mudanças significativas como commits.

Sobre commits

Assim como ao salvar um arquivo que foi editado, um commit registra alterações em um ou mais arquivos no seu branch. O Git atribui a cada commit um ID exclusivo, denominado SHA ou hash, que identifica:

  • Cada uma das alterações feitas;
  • O momento em que as alterações foram feitas;
  • O autor das alterações.

Ao fazer um commit, você deve incluir uma mensagem que descreva brevemente as alterações.

Você pode adicionar um coautor em qualquer commit em que colaborar. Para obter mais informações, consulte "Criar um commit com vários autores".

O rebase permite que você altere uma série de commits e pode modificar a ordem dos commits na sua linha do tempo. Para obter mais informações, consulte "Sobre o rebase do git".

Sobre branches de commit e etiquetas de tags

Você pode ver em qual branch um commit está ao ver as etiquetas abaixo do commit na página de commit.

  1. No your GitHub Enterprise Server instance, navegue até a página principal do repositório.
  2. On the main page of the repository, click the commits to navigate to the commits page. Screenshot of the repository main page with the commits emphasized
  3. Navegue até o commit clicando no link da mensagem do commit. Captura de tela do commit com o link da mensagem do commit destacado
  4. Para ver em qual branch o commit está, verifique a etiqueta abaixo da mensagem de commit. Captura de tela do commit com o indicador do branch do commit destacado

Se seu commit não estiver no branch padrão (principal), a etiqueta mostrará os branches que contêm o commit. Se o commit fizer parte de um pull request não mesclado, clique no link para ir para o pull request.

Assim que o commit estiver no branch padrão, todas as tags que contêm o commit serão mostradas e o branch padrão será o único branch listado. Para obter mais informações sobre tags, consulte "Básico do Git - Inserção de tags" na documentação do Git.

Captura de tela do commit com a tag do commit destacado

Leia mais